Prata da casa aponta mescla de jovens e experientes para sucesso do Botafogo-SP

O Botafogo segue trabalhando para permanecer no G4 do Grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C. Após cinco rodadas, o time de Ribeirão Preto ocupa a segunda colocação com apenas uma derrota. Prata da casa, o zagueiro Carlos Henrique destaca a mescla entre juventude e experiência para o bom início tricolor.

Nos cinco primeiros jogos, o Botafogo soma duas vitórias, dois empates e apenas um revés. O time de Rodrigo Fonseca está na segunda colocação do Grupo B com oito pontos, a dois do líder Volta Redonda-RJ.

Cria do próprio Botafogo, o zagueiro Carlos Henrique, de 23 anos, analisou o início tricolor. “Nossa campanha não nos surpreende. Temos um time qualificado para brigar pelo acesso. Creio que o grupo está cada vez mais se fortalecendo e a cada jogo vamos encontrando nossa identidade para chegar no objetivo final que é subir”, disse.

Presente no Paulistão Itaipava, o defensor fez uma comparação do trabalho realizado pelo técnico Moacir Júnior em relação ao de Rodrigo Fonseca. “Nosso estilo de jogo mudou um pouco com a chegada do Rodrigo Fonseca. A aposta é em um grupo mesclado de jogadores novos e experientes e encontramos uma fórmula bacana que tem dado certo”, comparou.

Na última vitória do Botafogo, diante do Joinville-SC, Carlos Henrique anotou seu primeiro gol na Série C. “Foi diferente marcar aquele gol. Uma sensação muita boa. Jogando como volante, tenho mais chances e foi assim. Roubei a bola no meio-campo e cheguei pra concluir em gol. Fazia tempo que não marcava e fiquei muito feliz”, concluiu.

O Botafogo volta a campo no domingo (18), às 16h, contra o Macaé-RJ, no estádio Santa Cruz, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série C.

 

Voltar