Ligger elogia postura contra Tupi-MG e diz que "confiança" não pode atrapalhar

Ali atrás, Ligger passou alguns sufocos diante do Tupi-MG. O mais difícil foi na cabeçada de Edimário, à queima-roupa, que obrigou Marcelo Boeck a fazer a defesa do dia. Mas nos outros avanços mineiros, a defesa tricolor se portou bem. E o zagueiro leonino exaltou esse momento defensivo, que nem sempre foi assim nesta Série C do Campeonato Brasileiro.

- Foi um grande jogo da nossa equipe. Usamos a força da nossa casa e pudemos abrir vantagem nesse confronto. O mais importante foi não ter tomado gol, todos se portaram muito bem defensivamente - analisou Ligger que, ao lado de Adalberto, segurou as pontas na parte de trás, nestas quartas de final.

Com o resultado de vitória, por 2 a 0, o objetivo agora é viajar para o jogo de volta e focar no mais importante: um novo resultado positivo, sem festa ou qualquer menção positiva demais.

- Agora, vamos para Minas Gerais para fazer um bom jogo. Corrigir os erros que cometemos nesse e seguir trabalhando. Estamos confiantes, mas não vamos deixar isso nos atrapalhar. Vamos nos manter concentrados e focados. Se Deus quiser vamos fazer um bom jogo no próximo sábado - encerrou.

O Fortaleza joga com muitos resultados a seu favor. Pode perder por um gol de diferença. Joga pelo empate. Nova vitória então, consagraria a equipe cearense. O Leão do Pici encara o Tupi-MG, fora de casa, em Juiz de Fora, a partir das 20h30, no Estádio Mário Heleno, no jogo de volta da Série C do Campeonato Brasileiro.

 

 

Voltar